Edição: 2ª edição | Arlindo Donário and Ricardo Borges dos Santos

The reason for the current state of economic thinking

Uma história do pensamento económico onde se abordam as influências que grandes pensadores tiveram no modo como as sociedades se organizam e as pessoas vivem o seu dia a dia para produzirem e repartirem os bens e serviços que necessitam para subsistirem e legarem às gerações seguintes. Para perceber as razões porque actualmente vivemos como vivemos, teremos que viajar no tempo à procura das raízes que deram os frutos que agora experimentamos e determinam o modo como pensamos, agimos e interagimos uns com os outros.

Muitos dos conceitos e ideias que este livro aborda parecem ser recentes, mas como o leitor se aperceberá, tal não corresponde à realidade. Nesta viagem desde a antiguidade até aos nossos dias, os autores evidenciam que a humanidade desde muito cedo se preocupou com questões como a felicidade, a ética, o trabalho, a repartição dos rendimentos e da riqueza, os juros e a administração dos bens comuns entre outros tópicos fundamentais que determinaram o modo como as sociedades actuais estão organizadas.

Para economistas e não economistas, uma leitura que não exigindo grandes conhecimentos prévios sobre as matérias abordadas, conduzirá o leitor a (re)descobertas e reflexões que lhe permitirão tomar partido e formar a sua própria opinião sobre aspectos que determinam a sua vida e a dos que pertencem à sua comunidade.